#PARA SUA EMPRESA


Diretores, conselheiros e executivos das organizações têm, atualmente, outras preocupações além da busca
pelos resultados. A possibilidade de virem a responder com seu patrimônio pessoal no caso de condenação na
Justiça por decisões tomadas no dia-a-dia da organização vem aumentando consideravelmente. A legislação
brasileira, assim como ocorre na maior parte do mundo, segue hoje a tendência de responsabilização pessoal
pelos atos dos administradores e profissionais à frente das empresas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Central de Atendimento